Abertas as inscrições para curso técnico em leite e derivados

Os interessados em disputar uma vaga no Curso Técnico em Leite e Derivados do Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT) poderão se inscrever para o exame de seleção. São oferecidas 30 vagas para o segundo semestre letivo de 2013, às quais podem concorrer candidatos com o ensino médio completo ou equivalente e ainda os matriculados na 2ª ou 3ª série do ensino médio. As provas serão realizadas no dia 20 de julho, nas dependências do ILCT, em Juiz de Fora, na Zona da Mata.

Os interessados devem se inscrever no endereço eletrônico www.candidotostes.com.br, na secretaria do ILCT ou ainda por procuração. O formulário próprio e os detalhes para inscrição estão disponíveis na internet até o dia 17 de julho, quando termina o prazo para efetivar a participação no exame de seleção.

A taxa é de R$ 70,00 e o comprovante de pagamento deverá ser enviado por fax para o número (32)3224-5450. As provas serão aplicadas em duas etapas, com 40 questões de múltipla escolha cada uma: de 8h às 11h30 (Português, Matemática e História) e de 13h30 às 17h (Geografia, Física, Química e Biologia). O resultado final será divulgado no dia 22 de julho e as aulas começam no dia 1º de agosto de 2013.

Empregabilidade chega a 70%

O curso Técnico em Leite e Derivados tem duração de dois anos, com foco na qualificação de mão de obra para atuação nos segmentos da cadeia de lácteos no Brasil e no exterior. O profissional formado atua no planejamento, orientação e supervisão dos processos de industrialização do leite e derivados, desde a fase da produção do leite até o controle de qualidade e comercialização do produto final. Todos os alunos que concluem o curso têm estágio assegurado e, entre esses, 70% são absorvidos pelas próprias empresas onde estagiam.

Entre os diferenciais do curso estão a tradição da escola, fundada em 1935, o caráter essencialmente prático do treinamento, que possibilita o ingresso imediato do aluno formado no mercado de trabalho, e o dinamismo da grade curricular, que permite adequação aos interesses do setor. O ILCT nasceu com a missão de desenvolver o setor laticinista em Minas Gerais e tornou-se o primeiro curso profissionalizante em laticínios da América do Sul. O curso funciona desde a fundação do instituto e já formou cerca de 2.300 técnicos, com atuação no Brasil e no exterior.

 

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked