Prova de Produção de Leite a Pasto de Novilhas Gir Leiteiro

Os pecuaristas interessados em participar da 1ª Prova Brasileira de Produção de Leite a Pasto de Novilhas da Raça Gir Leiteiro, a ser realizada no Centro de Transferência de Tecnologias de Raças Zebuínas com Aptidão Leiteira (CTZL), fazenda experimental da Embrapa Cerrados, no Gama (DF), deverão ficar atentos ao período de inseminação artificial ou monta dos animais.

Isso porque só serão aceitas novilhas que tenham sido prenhes entre 20 de janeiro a 19 de fevereiro de 2015.

O pesquisador Carlos Frederico Martins, coordenador da prova, ressalta a importância do cumprimento do cronograma para que os partos sejam efetivados entre 9 de outubro a 31 de dezembro. Outro requisito exigido para a participação da prova é de que as novilhas sejam primíparas registradas na ABCZ (Associação Brasileira de Criadores de Gir Leiteiro).

Das 30 vagas, 20 serão destinadas às novilhas PO (Puro de Origem) ou LA 2 (Livro Aberto) avaliadas e o restante a animais que não tenham informação genética.

As vagas serão preenchidas de acordo com a ordem de inscrições, que deverão ser realizadas de 15 de fevereiro a 30 de abril.

As inscrições deverão ser feitas pelo email da ACZP (aczp.df@uol.com.br). Cada criador poderá inscrever até dois animais. A taxa de inscrição é R$ 4 mil por novilha inscrita, divididos em cinco parcelas, ou pagamento a vista com 10% de desconto (R$ 3.600,00). A entrada das novilhas no CTZL será nos dias 11 e 12 de agosto. A divulgação dos resultados e a saída dos animais do CTZL ocorrerão em dezembro de 2016.

A prova, realizada em parceria com a Associação dos Criadores de Zebu do Planalto (ACZP), conta com apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro (ABCGIL), Associação Brasileira de Criadores de Zebu (ABCZ), Hospital Veterinário da Universidade de Brasília e Faculdades Associadas de Uberaba (Fazu).

Melhoramento da raça – O principal objetivo da Prova é identificar matrizes com alto potencial genético para a produção de leite a pasto e de forma natural (sem a utilização de hormônios) e, desta forma, promover o melhoramento genético da raça Gir Leiteiro na região do Brasil Central.

As novilhas serão classificadas de acordo com os seguintes atributos de interesse econômico: produção de leite, parâmetros de reprodução, teor de gordura e proteína no leite, contagem de células somáticas e persistência de lactação. A prova também servirá para avaliar o custo e a rentabilidade da produção de leite no bioma Cerrado.
Após a prova será formado com as cinco melhores fêmeas um Banco Genético para posterior transferência de embriões. Caso tenham interesse, os criadores das novilhas campeãs na prova poderão assinar um contrato de parceria pecuária para pesquisa e multiplicação de matrizes bovinas com a Embrapa. Os produtos serão compartilhados igualmente entre o criador parceiro e a Embrapa Cerrados/CTZL.

Mais informações:

http://www.cpac.embrapa.br/Prova_de_Producao_de_Leite_Gir_Leiteiro/

aczp.df@uol.com.br/ cerrados.eventos@embrapa.br

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked