Quais cuidados se deve ter com bezerros recém-nascidos?

A Embrapa Gado de Leite disponibiliza para o produtor rural a publicação “500 Perguntas 500 Respostas” destinado à criação de gado leiteiro.

Um das questões respondidas é:

Quais os principais cuidados que se deve tomar com os bezerros recém-nascidos?

Logo após o nascimento, inspeciona-se o bezerro e, se necessário, removem-se as membranas fetais e os mucos do nariz e da boca.

A vaca costuma lamber o bezerro, ajudando a secar o pelo e estimulando a circulação ea respiração. Em dias chuvosos, recolhe-se o bezero para local coberto e limpo, secando-o com um pano.

Deve-se induzir o bezerro a mamar o colostro o mais rápido possível após o nascimento, ou, então fornecer-lhe um mínimo de 2kg de colostro da primeira ordenha após o parto, durante as primeiras 6 horas de vida. A absorção das imunoglobulinas do colostro pelo intestino do bezerro é mais eficiente nas primeiras 24 horas, caindo acentuadamente a partir das 36 horas.

Ainda nas primeiras horas após o parto, deve-se cortar o umbigo a mais ou menos dois dedos da inserção. Normalmente, não é necessário amarrar o cordão umbilical, exceto em casos de hemorragia mais intensa. A desinfecção é feita mergulhando o cordão umbilical em um vidro de boca larga com tintura de iodo.

Esse tratamento deve ser repetido por 3 ou 4 dias.

A identificação do bezerro, com brincos e/ou tatuagem, deve ser feita no mesmo dia do nascimento. Outros cuidados como descorna, marcação e remoção de tetos extras, devem ser providenciados durante o primeiro mês de vida dos animais.

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked